O que são os movimentos sociais



O que é e quais são os principais movimentos sociais no Brasil e no Mundo. Conceito e objetivos aplicados às lutas pelos direitos sociais.

Em muitos anos em vários países grupos de pessoas se reúnem em busca de um objetivo, e as ações realizadas por esses grupos é que são conceituados como movimentos sociais, desde os anos de 1970 com o esgotamento da noção de classe social e da insuficiência do marxismo tradicional em descrever o universo das lutas sociais por justiça, que começou a engrenar as ações dos movimentos sociais.

A partir daí vários conceitos foram dados aos chamados movimentos sociais, em que alguns conhecidos por movimentos sociais tradicionais eram considerados a expressão coletiva de minorias em sociedades estratificadas e industrializadas, e seu objetivo seria transcender as classes sociais buscando conquistas no plano econômico-estrutural; já outros conceituavam como novos movimentos sociais, que se organizaram principalmente após a Segunda Guerra Mundial e que estariam associados a demandas por reconhecimento ou contra opressões simbólicas. Os novos movimentos sociais traziam em seus discursos a valorização de princípios como livre organização, autogestão, democracia de base, direito à diversidade e respeito à individualidade, respeito à identidade local e regional, e noção de liberdade individual associada à de liberdade coletiva.

Conceito e objetivos aplicados às lutas pelos direitos sociais pela liberdade de expressão, entre outros

Para Maria da Glória Gohn conceitua-se que “(…) movimentos sociais são ações coletivas de caráter sociopolítico, construídas por atores sociais pertencentes a diferentes classes e camadas sociais. Eles politizam suas demandas e criam um campo político de força social na sociedade civil. Suas ações estruturam-se a partir de repertórios criados sobre temas e problemas em situações de: conflitos, litígios e disputas. As ações desenvolvem um processo social e político-cultural que cria uma identidade coletiva ao movimento, a partir de interesses em comum. Esta identidade decorre da força do princípio de solidariedade e é construída a partir da base referencial de valores culturais e políticos compartilhados pelo grupo.”

Se bem analisado tais conceitos podem considerar todos pertinentes, os movimentos sociais se resumem em um pouco de cada conceito caracterizado e mencionado acima, no entanto, uma questão que deve ser levada em consideração é quanto aos objetivos reais dos movimentos sociais, pois eles não se resumem em ações contra a sociedade ou em busca dos seus direitos como cidadão esses movimentos sociais oportunizam transformações mais abrangentes, que transcendem os limites locais, pois através da comunicação entre grupos organizados disseminam-se os temas e as estratégias de luta que envolve a superação de problemas pertinentes às questões da cidadania, um exemplo que deixa claro são as variedades de movimentos ecológicos que vem sendo criados, onde as lutas são contra a conduta predatória das indústrias e contra o estilo comunista de vida.

Eleições, manifestações, protestos, entre outros. Ações dos movimentos sociais

Os movimentos sociais podem ser considerados como ações e manifestações de protestos, podendo serem constituídos por grupos, independente de classes ou profissões que eles pertencerem, tendo como objetivo principal a mudanças e a asseguração da ordem que deve ser estabelecida dentro da sociedade, nos diferentes âmbitos que ela possui.

O que você acha sobre os movimentos sociais? Diga-nos sua opinião.

Fontes úteis:
http://pt.scribd.com/doc/55834819/2/O-que-sao-Movimentos-Sociais
http://codigodeideias.blogspot.com/2005/10/grupo-3-o-que-movimento-social.html




Divulgue este artigo:

Deixe uma resposta

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.





educacao.cc // 2011-2013 // Deus seja Louvado