Diferença entre orquestra filarmônica e orquestra sinfônica

As orquestras completas pode-se referir as orquestras sinfônicas e filarmônicas e seus instrumentos de madeiras, cordas, metais, instrumentos de percussão, instrumentos de teclas.

» Página Inicial

No âmbito musical os artistas se organizam em diferentes tipos de agrupações. Elas podem ser bandas musicais, conjuntos musicais, orquestras, etc. Veja aqui como quando fazemos referencia a uma orquestra podemos usar diferente terminologia e qual será o detalhe que marca a diferença entre uma orquestra filarmônica e uma orquestra sinfônica.

Orquestra: uma orquestra consiste em um agrupamento instrumental de uma importante quantia de músicos que participam em conjunto para a realização de musica erudita. As orquestras estão compostas por um grupo de músicos que interpretam diferentes peças com vários tipos de instrumentos, mas também se compõem de outros elementos. Antigamente o teatro grego apresentava coros integrados por músicos e bailarinos sobre um estrado chamado “orkhéstra”. O termo tinha sua raiz no verbo “orcheisthai”. Seu significado era “dançar” ou “eu danço”. Posteriormente foi adquirido pelo latim como se pode ver em diversos escritos romanos e chegou ao francês na Idade Media.

Origem da palavra Orquestra

Tudo começou na Grécia Antiga onde tinha espetáculos com dança,música,teatro,instrumentos tudo junto ,e entre a parte principal do palco e o público tinha um espaço que era chamado de orquestra que significava um espaço reservado para dança,e esse espaço que era para a orquestra ficava os músicos mais era onde acontecia aquelas evoluções do couro que o couro dançava e cantava fazia tudo junto, e os musicos ficavam ali dividindo esse espaço também.Ai então não demorou muito para que se denominassem como orquestra e aos poucos esse espaço ficou só para os musicos e as evoluções e tudo acontecia mais na parte principal realmente.

Sinfônicas e filarmônicas

Se pensarmos em orquestras completas temos que nos referir as orquestras sinfônicas e filarmônicas. Esse tipo de orquestra inclui usualmente uns 80 músicos e em oportunidades mais de 100 músicos. Isso não significa que todos os músicos entrem em ação ao mesmo tempo, já que depende diretamente na peça musical que seja executada. Essas orquestras incluem até 5 tipos de instrumentos:

Qual é então a diferença entre orquestra sinfônica e filarmônica?

Primeiro podemos dizer que a terminologia pode ser usada para diferenciar uma da outra caso que as duas estejam na mesma localidade. Por outra parte, antigamente a orquestra sinfônica era aquela mantida economicamente por um organismo público, em quanto a orquestra filarmônica contava com o apoio de uma instituição privada encarregada do seu sustento. Aos efeitos práticos não existem diferenças notórias entre as duas.A palavra sinfônica é derivada da palavra sinfonia que significa sons e conjunto.Já a palavra filarmônica significa amante da música então por regra  a orquestra sinfônica era mantida por ordem do governo,seja municipal,estadual,federal tanto faz,mais tinha um vinculo governamental.Já a filarmônica era mantida por um grupode pessoas que são amntes da música como o próprio nome diz ,como uma associação de amigos ou naté mesmo uma empresa que estava disposta a bancar,financiar os custos daquela orquestra.

Por último, vale a pena mencionar e fazer a comparação com um último tipo de orquestra, a orquestra de câmara. Quais são as diferenças com a orquestra filarmônica e/ou sinfônica? Aqui, o principal diferencial é o tamanho e dimensões dos espaços onde os músicos executam a peça musical. A orquestra de câmara pode ter 18 ou menos músicos, chegando a ser só 8. Esse grupo toca a música de câmara, ou música erudita para pequenos espaços.

Se quiser saber mais sobre a Orquestra Sinfônica Brasileira recomendamos visitar o site oficial aqui https://www.osb.com.br/.


 
Veja também: