Quem faz supletivo pode fazer faculdade?

Por que alguns chegam a pensar se podem ou não fazer faculdade? Entenda neste artigo a explicação sobre a situação de uma pessoa que fez o EJA e agora pretende ingressar na faculdade.

» Página Inicial

Esta é uma dúvida que muita gente deve ter, afinal, muitos que fazem supletivo ou o EJA tem como objetivo lá na frente fazer sua inscrição em uma faculdade ou universidade para fazer um curso superior. Então vamos tentar esclarecer esta dúvida e tranquilizar aqueles que estão ou pretendem entrar no EJA e depois seguir uma carreira na universidade.

Quem faz supletivo pode fazer faculdade?

Sim. Quem faz supletivo pode fazer um curso superior sem problemas algum. Naturalmente que ele precisa concluir o EJA – Educação de Jovens e Adultos e obter o certificado de conclusão do ensino médio. Com este documento em mãos poderá se matricular em um processo seletivo ou realizar o ENEM e estando aprovado, poderá fazer a sua matrícula no curso superior e na instituição que escolheu e foi aprovado. Poderá fazer o curso de graduação normalmente e seguir seus estudos depois em pós-graduação e outras especializações disponíveis.

Por que alguns chegam a pensar se podem ou não fazer faculdade?

O motivo desta dúvida deve estar associada à ideia de que o EJA (o antigo supletivo) não é uma coisa muito séria, muito legal e por isso não teria valor perante uma universidade, mas esta ideia está totalmente equivocada pelas razões abaixo descritas:

Como concluir meus estudos pela modalidade EJA?

Há várias formas de você fazer isso, você poderá procurar uma escola estadual em sua cidade (veja aqui algumas opções) que ofereça o supletivo noturno, frequentar as aulas e realizar ali mesmo as provas de certificação, poderá inscrever em uma prova da secretaria estadual de educação, estudar por conta própria e apenas realizar a prova ou ainda poderá prestar o ENEM e na sua inscrição indicar que deseja utilizar o ENEM como certificação do ensino médio.


 
Veja também: